7.3.12

Do Perdão, da Responsabilidade e da Culpa





Não gosto da palavra culpa. A culpa é um envenenado presente herdado da cultura judaico-cristã. Apenas e só um fardo pesado, que se carrega sempre que nos demitimos de assumir que falhar é humano. Um recipiente cheio de ácido para onde se atiram ações e omissões que corroem. E a maioria das vezes matam, devagarinho. A culpa é bipolar. Ora se arrasta escondia por vielas escuras, ora  desfila pela vida vestida de pecado.

A culpa é a caça e o caçador. Porque nem só da própria culpa que carrega vive o homem. Culpar os outros, de tudo e de nada o que acontece na vida, é também por si só uma religião que muitos praticam. E outros tantos deixam praticar á sua volta, na desportiva.

A responsabilidade, não. A responsabilidade é arte de chamar a si o que é seu e atribuir aos outros a justa medida do que lhes cabe, não usando armas sujas e menos ainda o jogo das emoções. Na responsabilidade não há pecados mortais. Há tentativas e erros. E sempre, mas sempre, a possibilidade de tentar fazer melhor, sem ficar dependente de redenções.

Assim consigamos perdoar, a quem usa a culpa para em vez nos fazer crescer nos diminuir como gente.
E a nós mesmos, por não nos sentirmos culpados por não entrar em jogos sujos. E não nos desfazermos em desculpas para sobreviver aos pecados, dos outros.







4 comentários:

  1. Tenho um amigo que diz, que diz que "verdadeiros perdões, só de grandes corações". :)

    ResponderEliminar
  2. A culpa é sempre uma corda ao pescoço. A culpa não salva ninguém.

    Concordo em absoluto contigo. Como sabes :)

    ResponderEliminar
  3. Que engraçado. Eu também nao gosto da palavra culpa. Digo sempre a minha filha, que nao a use, e substituo por responsabilidade. Mas reparo que este meu habito nao e comum. Por isso, revi-me nas tua palavras!

    ResponderEliminar
  4. Cresce-se com esse sentimento, que nos é passado pelas nossas gerações anteriores... eu altero, tento pelo menos, alterar isso para algo melhor, pelo menos para algo que não me deixe sentir "culpada" :)
    Eu sou responsável pela minha vida e pelas minhas escolha, e por isso não me sinto CULPADA de nada!
    Bjs docinhos xxx

    ResponderEliminar