26.11.12

Tempo



Olhar para trás nunca será um modo de viver no passado se nesse olhar retrospetivo tivermos a capacidade de ir redesenhando o futuro.

Há um ano era quase tudo igual. E no entanto, quase tudo tão diferente. Não mudaram as circunstâncias, mas mudei eu, ao crescer incessantemente com elas, nestes doze meses. 
Entre todos os planos que a vida tantas e tantas vezes obriga a construir e desconstruir, dentro e fora de nós, na interminável construção de um puzzle onde tantas vezes há peças que faltam e outras que não encaixam, esse será sempre o lado  positivo. 
Uma boa parte da vezes, é a partir do lado B que o lado A se define melhor e assim se vai vendo, com crescente clarividência, o todo de que somos feitos.




6 comentários:

  1. Aí, este blog transmite tanta paz... Adoro-o cada vez mais. Um beijinho grande

    ResponderEliminar
  2. O caminho a percorrer nunca anulará o passado e este poderá sempre ser parte de uma boa aprendizagem. Não nos podemos é agarrar a ele e não seguir em frente. Ele tem de ser uma rampa de lançamento e não um espigão preso ao chão.

    ResponderEliminar
  3. A vida é tão complexa e tão difícil. Um verdadeiro quebra cabeças..:)

    ResponderEliminar
  4. Adoro ver-te crescer assim feliz!
    Gosto de ti lindinha xxxx

    ResponderEliminar
  5. Reflectir sobre o passado ajuda-nos a arrumar as ideias em relação ao futuro ... :)

    ResponderEliminar
  6. @Shiine: obrigada! Fico feliz por te transmitir esse sentimento :) um beijinho


    @Tanita: tão verdade. É exatamente isso que dizes. Bela imagem :) Beijo imensoooooooo!


    @AC: o que me vale é que sempre gostei de fazer puzzles e lego, desde menina pequenina ;)


    @Paulinha: Sabes bem, ser feliz é um principio de vida! Beijo!


    @Andorinha: também acho... e eu tenho a mania das arrumações ;)

    ResponderEliminar