31.1.12

Dos momentos dificies

Isto da vida não andar fácil não nos dá paz. E eu, que sou uma mulher de paz, gosto dos dias de serena luta. Gosto das incertezas e dificuldades a que chamo desafios. Gosto de obstáculos como gosto de muros. Para subir, descobrir e contemplar o que está do outro lado. Mas não é disso que a vida se tem feito nos últimos tempos. Ultimamente faz-se de impasses, inércia e paz podre. Faz-se de vai-se andando. De amanhã logo se vê para que lado acorda o destino.  Isto tudo fazendo a minha parte e tendo de aguardar que o resto se cumpra. Seja que resto for. E é isso que tem feito com que não ande fácil. Porque sou temperada, mas não sou morna. Porque gosto de cozinhar a vida, mas não gosto de banho-maria. Porque não gosto de extremos mas não sou assim-assim. Mas isto da vida não andar fácil não quer dizer que ande difícil. Andar difícil é outra coisa. Andar difícil é levarem-nos um filho e não deixarem rasto. É assistir impotente a uma doença grave e dolorosa de alguém que se ama. É acordar todos os dias debaixo de fogo cruzado. É adormecer sabendo que no dia seguinte não se terá mais uma vez o que dar de comer aos nossos. Não andar fácil não é o mesmo que andar difícil. Andar difícil é outra coisa. Das coisas difíceis da vida não me posso queixar, graças a Deus. O resto, o  resto o tempo compõe. Haja paciência. E saúdinha! [coisas com que a vida me dotou, á fartazana!]

7 comentários:

  1. TUDO o que descreves aqui é mais que certo... tem muito de como me tenho sentido, mas infelizmente não é só de agora... mas a minha vida nunca foi fácil e já começo sentir um cansaço imensurável. Mas enquanto tiver forças... para a frente é que é o caminho certo?
    Cabeça erguida com o coração ao alto!

    Bjs doces lindinha!
    E MUITA PAZ!

    ResponderEliminar
  2. é essa capacidade de perceber o q é grave e de relativizar que te vai levando sempre mais adiante, mesmo que sintas que a inércia alheia te impeça de avançar. sabes da tua dor mas não a tomas como a maior das dores, a isso chama-se gratidão. e quem é grato à vida, a vida continuará a gratificá-lo (mesmo q, por vezes, pareça o contrário)

    és linda mulher!

    um abraço caloroso

    ResponderEliminar
  3. Não está fácil, não, BTW!

    E vai estar assim muito tempo. Esperemos que não entre no tal difícil que falas... Há que dar um pouco mais e ter paciência.

    Beijinho(s)

    ResponderEliminar
  4. Vamos tentando, não é??? É como dizes não anda fácil, mas graças a Deus, enquanto tivermos saúde e comer no prato vamos vivendo, e infelizmente, à muita gente bem pior :( Dias melhores virão....

    ResponderEliminar
  5. Gosto, concordo e assino por baixo!!! visita o meu cantinho! já sou fã do teu!!!

    http://joa-nices.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  6. Saude e o que te desejo!

    ResponderEliminar