27.10.10

Gostava tanto de perceber


... por que razão teimo em ter pacotes de Maizena - assim tipo aos pares - se é coisa que nunca preciso,  se preciso nunca me lembro de usar e durante toda a minha idade adulta e de tentativa de dona de casa esmerada me lembro sempre de os deitar fora com o prazo expirado - e se aquilo tem prazo alargado, minha gente! - e ainda por encetar. Eu sei que a questão e o parágrafo é grande, assim como complexa ou, quiçá, mesmo hermética a respectiva resposta, mas se alguém padecer do mesmo mal, já com diagnóstico apurado, talvez me possa ajudar.
Há coisas nesta vida que, de tão difíceis, já desisti de perceber. Mas compreender as razões que a razão desconhece, relativas à compra compulsiva de Maizena, pode revelar-se um verdadeiro alívio.

4 comentários:

  1. E de repente lembrei-me da farinha 33 em casa dos meus avós! :)

    ResponderEliminar
  2. No dia em que não tiveres vai ser o dia em que vais precisar.
    Sofro do mesmo mal cá em casa e ainda por cima também aos pares!
    Bj

    ResponderEliminar
  3. Scarlet,
    Dessa não tenho memória.

    ResponderEliminar
  4. Comadre,
    E eu com esperança que houvesse cura...
    Beijooo

    ResponderEliminar