12.11.10

O que importa é o caminho que fica




A vida passa sempre
Tão apressada
Que pouco podes conter
Os dias são ausentes
Sabem a nada
Se te esqueceres de viver
Agarra o teu mundo
Acende os lugares
Onde se escondem os teus sentidos
E não tenhas medo
Se às vezes falhares
O que importa é o caminho
Que fica
Entre achados e perdidos


M.V.

3 comentários:

  1. Adorei passar por aqui para ler este pequeno poema, com palavras tão cheias de sentimento.

    Beijoooo

    ResponderEliminar
  2. Sus,
    O mérito é todo da Mafalda Veiga, que merece sempre ser citada.

    ResponderEliminar
  3. A vida é com certeza uma forma de arte, onde somos os actores e o nosso proprio publico e na qual nao faz sentido não sentirmos o que vivemos e vice-versa. As vezes temos de nos agarrar que o palco nao desmorona, mas as encenações e os adereços sim. Agarra-te, agarremo-nos... Beijinhos

    ResponderEliminar