24.11.10

Contas de merceeiro

Depois de quase uma hora de [não] noticias sobre uma dita greve geral, nas quais pontifica a suma felicidade [pacóvia] da noticia de termos sido noticia nas televisões estrangeiras [Smile, you´re on Candid Camera!] entre garfadas de um [divinal] salmão grelhado [aux herbes de Provence], fui sendo [orgulhosamente] esclarecida sobre o que é a balança comercial e que houve um tal de D. João V [que era assim, como se diz agora, tipo um convencido] que queria armar-se em bom e mostrar que tinha muito dinheiro e deu cabo de todo o ouro do Brasil, em festas e romarias. 
Se bem percebi ao fim disto tudo, basicamente, desde o séc. XVIII que andamos a lixar o negócio, mas a culpa é [sempre!] da balança.

*se juntarmos a isto o grammy que uma [merdosa] telenovela da TVI ganhou, percebemos que o mundo enlouqueceu e esqueceram-se de o internar.















6 comentários:

  1. Nunca vi a tal novela, nem essa nem outras, mas não terá algum valor? Se chegou lá e ganhou talvez até se faça qualquer coisinha de jeito por cá. Não?
    (século XVIII, falta o X)

    ResponderEliminar
  2. Acho que ainda antes dele já os (des)governantes assim faziam!
    Tudo o que vinha das recem descobertas colónias era gasto (literalmente!) em "p...." e vinho verde e sedas e carruagens etc...
    Portanto nada de novo a não ser as desculpas.
    LOL

    ResponderEliminar
  3. Isabel,
    Algum há-de ter... mas para um prémio destes?... Pois, quem sou eu?...
    Faz-se muita coisinha d jeito por cá, sim senhora, mas na minha modesta opinião as novelas da TVI, tendo o seu incontestável mérito a diversos níveis, não estão incluídas nessa distinção.

    Quanto à data: desatei-me a rir! na verdade, já deve vir daí, mas não era o caso! obrigada, vou emendar o erro de lápis :)

    ResponderEliminar
  4. Bem!
    Amiga quando comecei a ler este post, e á medida que ia mudando de linha, o meu sorriso ia alongando... até que num grande final, em pequenas letras, soltou-se-me a inevitável gargalhada. Hehehehe

    Beijo!

    ResponderEliminar
  5. Voltei, só para dizer que continuo a achar que a culpa disto tudo foi do Afonso Henriques... começamos logo com um sacana, que roubou esta “quinta” á mãe.
    Era previsível que dai para a frente não haveria melhoras. :P

    Beijo!

    ResponderEliminar
  6. Amigo, o gajo devia ter sido sinalizado ao Tribunal de Menores!

    ResponderEliminar