21.1.10

Humildade... does it ring a bell?

Rebelde, eu? Para os padrões comuns acredito que sim. Sobretudo se houver alguma tipologia de rebeldes pacíficos.
Se ser rebelde for não ter vocação para vaquinha do presépio e acenar a cabecinha a tudo, dizer amém às missas da vida, ter discursos politicamente correctos, fazer exactamente aquilo em que se acredita, não tapar, custe ou a quem custar, o sol com a peneira, defender com unhas e dentes situações de injustiça, se estas coisas forem rebeldia, então sou seguramente uma grande rebelde.
Mas o que eu gostava mesmo era que quem vende virtudes ao desbarato, e tem sempre pronta a língua e apontado o indicador em riste, se sentasse no banquinho da sua vida e pensasse lá no fundo, falando com os seus botões e as respectivas casas, se não tivesse a vidinha que tem ou teve, se seria assim tão recomendável.
É que se mesmo para quem teve - como eu tive - um bom colo que embalasse, comida, saúde e conforto a horas certas, ainda assim há dias em que o melhor de nós se esconde e a vontade de ser simpático com a vida e o mundo se desvanece, quem seriamos nós, poços de virtudes, se não tivéssemos sequer provado um pingo do que é ser amado e protegido?
Pois a mim parece-me que, ter a certeza que seriamos exactamente quem somos em qualquer circunstância , é não ter a humildade de reconhecer que a maior parte do tempo andamos nesta vida a fugir das situações que mais nos poderiam expor.
Pois, eu sei, nestes dias em que fico assim, também há quem se entretenha a colar um rótulo há muito conhecido por Mau Feitio.
Rebelde, eu?...
Venha ele!

2 comentários:

  1. Vim parar a este canto de sol, já não sei como. E como é meu habito, tento sempre ler o início dos blogs. E deparei-me com este texto no qual vejo em parte um reflexo meu. Por isso, não poderia deixar de comentar que também a mim me têm dado esse(s) rótulo(s). Acho que as pessoas por vezes confundem determinação com mau feitio. Vou continuar a ler.

    ResponderEliminar
  2. D.
    Obrigada pela visita e pelo comentário. Eu também raramente me lembro como chego a um blog.
    Sou uma determinada com mau feitio e pronto, não se fala mais nisso :)

    ResponderEliminar