13.11.11

O Amor é suficiente?


Se as dificuldades diminuem quando partilhadas. Se os receios se transformam num mote comum para unir esforços e ultrapassá-los. Se num momento de silêncio em que se escuta o outro se ajudam a reparar os estragos de um mau dia. Se na intensidade de um abraço se concentra a paz de uma vida. Se o beijo que nos acorda e a primeira palavra que se escuta nos fazem ter a certeza de que, o que quer que aconteça, vai valer pena regressar ao fim do dia. Se a outra pessoa da nossa vida significa tudo isto, o Amor é, será sempre, suficiente. Suficiente para ter todas as certezas do mundo mesmo que a pior das dúvidas e o mais tenebroso medo nos assalte. Porque amar e ser amado só nos pode trazer proteção, segurança, paz. E se o que une duas pessoas não trouxer nada disto, é simples. Pode ser muita coisa, mas não é Amor. 




11 comentários:

  1. Tão verdade. Está lindíssimo este teu post!

    ResponderEliminar
  2. maravilhoso m.
    vou partilhar no meu blog (com os créditos devidos, claro)

    uma semana cheia de cheiros, cores e sabores

    ResponderEliminar
  3. Lindo Margarida e tão verdadeiro. Adorei este post.
    Bj** e boa semana.

    ResponderEliminar
  4. O amor é tudo isso, sim! Plenitude do sentir, magia que une os seres!

    Um beijo no teu coração*

    ResponderEliminar
  5. Margarida de volta as suas melhores palavras...por isso é que sempre passo por aqui!
    And yes, love is enough!!!
    Grande beijo,
    Werner

    ResponderEliminar
  6. lovely :)

    e é tao fazer parte de um amor assim... adoro*

    ResponderEliminar
  7. Pois é. Parabéns muito bem (d)escrito. Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. muito, muito bonito :)

    ResponderEliminar
  9. Tão verdade e tão maravilhosamente bem escrito!!!

    Partilhei também :)

    ResponderEliminar