2.7.10

Tantas, tantas, tantas...


Tantas saudades dos [meus] dias da rádio...
E hoje, graças ao adorável arquivo virtual do universo, revisitei a suave sabedoria de Eduardo Sá e uma conversa que podia ter durado uma vida...
Espuma nos meus dias...
Saudades.
Tantas, tantas, tantas...

Sem comentários:

Enviar um comentário