1.7.10

E ontem...


... o Tejo foi testemunha

4 comentários:

  1. Ambientes tão agradáveis, tão acolhedores que eu desconheço...
    Como me arrependo de, por "amor",(imobilismo, estupidez, falta de amor próprio e espinha dorsal!) ter deixado "alguém" ficar com o que seria ainda hoje o meu meio de os (me)descobrir!...
    MUITO BOM FRM DE SEMANA!!
    Beijos
    L.

    ResponderEliminar
  2. Também gosto desse sitio...

    Sabes a foto do dia dos anos do vasco, foi tirada aí... num dia maravilhoso... daqueles que ficam para sempre... e que às vezes é uma chatice!

    ResponderEliminar
  3. Levikat,
    Muito mais perto do que supõe! :)

    ResponderEliminar
  4. Miguel,

    Percebo o que dizes, mas ainda assim continuo a achar que é melhor a nostalgia dessas memórias do que a inexistência nesses dias nas nossas vidas.
    Apesar de tudo, acho que é bom termos momentos que ficam para sempre, ainda que as circunstâncias que os permitiram não. Mas... sabes como sou, certo?... :)

    ResponderEliminar